• Admin

Como atrair e converter mais pacientes em odontologia


Como atrair e converter mais pacientes em odontologia

Captar pacientes é o processo empresarial em que a maioria dos dentistas tem maior dificuldade.


De fato, atrair pacientes e vender os seus serviços não é assim não simples como pintam por ai, em artigos e vídeos muito bem produzidos de "agências de marketing para dentistas" e "gurus de marketing para dentistas".


Se fosse fácil, todas as clínicas odontológicas estariam com suas recepções lotadas, todos os dentistas teriam um agenda cheia.


Mas, a realidade é bem diferente. Desde a pandemia milhares de pequenas clínicas e consultórios odontológicas baixaram as portas e nunca mais voltaram a ativa. Outros, estão passando por grandes dificuldades.


E é para ajudar você dentista que passa por dificuldades para captar mais pacientes que nós produzimos esse breve e prático artigo.


Aqui, você vai ler sobre:


  • A função do marketing na odontologia

  • Como atrair mais pacientes particulares para sua clínica odontológica

  • Atração e conversão são etapas do mesmo jogo


Vamos lá!


A função do marketing na odontologia


O marketing é geralmente visto como um vilão ou como algo negativo para dentistas.


É que existe uma grande confusão sobre marketing. Marketing não é se autopromover, muito menos fazer "negociatas" com o seu paciente tentando empurrar para ele o que ele não precisa.


Nada disso, a função do marketing na odontologia é atender, entender e satisfazer necessidades e desejos de um público específico.


Pense no caso de um ortodontista. Ele não entrega somente dentes alinhados através de técnicas e tecnologias da ortodontia.


Ele entrega dentes alinhados, para um público específico (Exemplo: Jovens entre 12 a 16 anos altamente conectados na internet), em uma região específica (Uma cidade, um bairro, etc.) por um preço determinado (Ex: R$ 800,00 o aparelho e R$ 200,00 de manutenção mensal), em um tempo estimado (A duração do tratamento de acordo com o planejado pelo profissional).


Perceba, que quando você percebe o contexto em que seu trabalho se encaixa na vida de uma pessoa fica bem mais fácil criar seu planejamento de marketing.


Afinal, para ficarmos no exemplo acima, percebe-se algumas características importantes e determinantes para que seu marketing odontológico funcione corretamente, tais como:


  • O público-alvo do exemplo é formado por pessoas jovens, prioritariamente adolescentes.

  • Eles tem um poder aquisitivo médio para poderem pagar R$ 800,00 por um aparelho e R$ 200,00 de mensalidade.

  • Eles esta localizados em uma determinada região (Uma cidade específica ou um bairro dentro de uma cidade).


Com esse exemplo prático acima podemos identificar os principais elementos-chave de um bom plano de marketing, a sabr:


O Público

Quem são as pessoas que sua clínica quer atingir (Idade, sexo, renda, comportamento social, etc.)


Os Canais de Comunicação

Cada público acessa e consome informações em um ou mais canais online ou offline. No nosso exemplo acima, o público em questão está muito conectado a mídias digitais (WhatsApp, Tik Tok, Instagram, etc.).


A Mensagem

A mensagem é a forma como você vai se comunicar com seu público. Se o público é jovem, o tom de comunicação deve ser informal, leve, curto. Já um público mais executivo ou amadurecido precisa encontrar uma comunicação da sua clínica mais formal, profissional.

Como atrair mais pacientes particulares para sua clínica odontológica


Para atrair pacientes particulares todos em dias, em primeiro lugar você deve pensar nos elementos que listamos acima, conhecendo muito bem o perfil do público-alvo.


Fazer uma pesquisa de campo, andar pelo seu bairro, avaliar o tipo de comércio presente, se as pessoas estão frequentando as lojas, se estão consumindo.


Análise, utilizando o Google Maps os pontos de fluxo próximo da sua clínica, busque junto ao SEBRAE local qualquer informação que conseguir sobre pesquisas de consumidores da sua região.


Frequente o comércio local, converse com outros proprietários dos estabelecimentos no seu entorno. Almoce nos restaurantes da região, compre produtos e serviços da sua região, interaja, ou seja, viva o dia a dia do seu público-alvo.


Somente conhecendo muito bem o perfil do público local é que você vai conseguir determinar qual o perfil do público local.


Entender esse público é fundamental para o próximo passo, que é criar uma oferta de serviços que tenha aderência ao perfil do público-alvo.


De novo, voltando ao nosso exemplo do ortodontista, de nada adianta ele acreditar que seu serviço é de alta qualidade, mas o seu público-local valoriza muito o preço baixo.


Entenda, não é o mercado que tem que se adaptar a sua proposta de trabalho. É você que precisa criar uma oferta de trabalho de acordo com o seu mercado.


Entender esse conceito é fundamental para conseguir captar pacientes.


Nas nossa consultoria de marketing para dentistas encontramos muitos profissionais e clínicas que insistem em captar um tipo de público que eles não tem.


E o pior, a culpa sempre fica para a ferramenta de marketing. Ou seja, colocam a culpa no mensageiro e não na mensagem.


Captar pacientes particulares é um processo contínuo de aperfeiçoamento entre a sua oferta e as necessidades do mercado onde você está inserido.


Resumo: Para captar pacientes particulares todos os dias você precisa conhecer bem o publico-alvo da sua clínica, criar ofertas de serviços que sejam aderentes a esse público e comunicar alto e claro a sua oferta.


Atração e conversão são etapas do mesmo jogo


Existe um equivoco na visão de dentistas sobre marketing. A maioria acredita que basta publicar sua oferta em um canal de comunicação, seja ele o Google, o Facebook ou qualquer outra rede da moda e os pacientes virão.


O que acontece na prática é que a captação de pacientes é um processo de trabalho dividido em duas fases:


A - Atração


Primeiro é preciso atrair os pacientes para sua clínica. Isso se faz, como frisamos anteriormente conhecendo o público e ofertando uma proposta de trabalho aderente as suas necessidades e desejos.


B - Conversão


A conversão acontece dentro da clínica. É através do atendimento de front-desk primoroso, da pontualidade, da atenção ao paciente e principalmente, dentro do consultório.


Atrair e converter são duas etapas que trabalham juntas. Um grande erro que vemos em muitas clínicas odontológicas é que eles querem conversar somente com que já está convencido.


Esses não representam nem 3% do total de pessoas impactadas pelo seu marketing. Pense em uma jornada ou viagem. Todo mundo, passa por etapas em uma viagem até chegar ao seu destino final.


Com os seus pacientes é a mesma coisa. Não existe lead ruim. O que existe é lead mal trabalhado.



Quem liga hoje para sua clínica e não converte, pode ser convertido daqui há 1 meses, há 3 meses ou até mesmo daqui há 1 ano.


Portanto, é preciso entender que para captar pacientes particulares, cada contato, cada ligação, cada mensagem no WhatsApp enviado por um potencial paciente (lead) é uma oportunidade agora, ou futura de conversão.



Conclusão


Não existe fórmula mágica para aumentar a captação de pacientes. O que existe é método, processos e atividades que precisam ser desempenhas para que sua clínica tenha o fluxo de pacientes que precisa.


Esse fluxo parte desde o entendimento correto do seu público-alvo, a definição de uma oferta de serviços que seja aderente as necessidades dos pacientes até a recepção do paciente e atendimento na clínica.


Se você quer saber mais sobre captação de pacientes e deseja nossa ajuda para aumentar o número e a qualidade de pacientes na sua clínica, entre em contato e fale com um consultor especializado em marketing odontológico.


Senior Marketing

Marketing para dentistas

(11) 3254-7451

atendimento@seniormarketing.com.br